Adrian Frutiger, quem é esse cara?

Image

Frutiger é um dos maiores designers de tipos da história. Sua fama se deve ao fato do seu grande talento em criar fontes extremamente legíveis. Ele realmente é O CARA.

Adrian Frutiger nasceu em 24 de maio de 1928, em Unterseen, Canton of Bern, Suíça. Quando criança era apaixonado por esculturas e criava tipos que fugiam os padrões europeus de escrita formal da época. Infelizmente não era apoiado por seu pai, um tecelão, a se envolver com o mundo das artes. Seus professores do ensino secundário também não o apoiaram no ramo da escultura, mas perceberam seu talento na criação de tipos e o encorajaram à trabalhar com a impressão.  Aos 16 anos, ele trabalhava como aprendiz na Otto Schaerffli, uma impressora próxima a sua cidade. Mesmo trabalhando com impressão, Frutiger mantinha seu amor à escultura, o que influenciava as formas dos seus tipos. De qualquer forma, a escultura foi importante para o seu trabalho. Mais tarde, ele foi morar em Zurique para estudar na Escola de Zurique de Artes e Ofícios, orientado pelo professor Walter Kach. Depois foi morar em Paris, onde trabalhou no Deberny & Peignot typefoundry, ajudando o movimento de fundição de caracteres usados com os métodos tradicionais de impressão para novas tecnologias de fotocomposição.  Com o passar do tempo Frutiger foi cirando seus próprios tipos e algumas de suas criações se destacaram, dando à ele respaldo mundial como sendo um grande designer de tipos. Suas principais criações foram: Méridien (1955), Univers(1956), OCR-B (1968), Frutiger(1975),  Glypha(1979), Vectora(1990).

Image
Família Univers

Quando se fala em Adrian Frutiger, não se pode esquecer dos trabalhos feitos para o Metrô de Paris e para o Aeroporto de Orly, onde ele desenhou os sistemas de sinalização. E para o Aeroporto Charles de Gaulle, Frutiger desenvolveu todo o sistema de comunicação. Outro fato interessante, é que a OCR-B foi escolhida para ser utilizada utilizada em cartões de créditos e similares, e a vemos até hoje.

Durante sua carreira, Frutiger escreveu vários livros, todos são uma ótima pedida para quem quer saber mais sobre a forma como ele trabalha em suas criações. Aqui, alguns de seus livros: Type, Sign, Symbol (1980); Signs and Symbols: Their Design and Meaning (1989); The International Type Book (1990); Geometry of Feelings (1998); The Development of Western Type Carved in Wood Plates (1999); Forms and Counterforms (1999); Life Cycle (1999); The Univers (1999); Symbols and Signs: Explorations (1999).

Atualmente Frutiger é conhecido mundialmente pelo seu trabalho, pois se tornou um renomado designer de tipos. Ele é um exemplo de que não se pode desistir dos seus sonhos, por mais que para as outras pessoas não seja algo bom ou viável.

Referências:

http://typophile.com/node/12118

http://www.linotype.com/720/adrianfrutiger.html

http://en.wikipedia.org/wiki/Adrian_Frutiger

http://abcdesign.com.br/por-area/tipografia/adrian-frutiger-the-book/

http://tipografos.net/designers/frutiger.html

Anúncios

2 comentários sobre “Adrian Frutiger, quem é esse cara?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s