Espaçamento de fontes

Espaçamento de fontes

spacingQuem já desenvolveu uma fonte digital sabe que o seu projeto vai muito além de apenas desenhar caracteres. Uma das fases que mais consome tempo – e o juízo – do type designer é calcular o espaço entre uma letra e outra.

Este processo tem um nome – espaçamento – e a partir de agora falaremos sobre o conceitos, principais métodos, plugins e treinamento de ajustes óticos. Se prepara que vem muita coisa por aí!

Continuar lendo “Espaçamento de fontes”

Tipografia na Política (edição 2016)

Tipografia na Política (edição 2016)

tipografia-na-politica-2016

Em 2012, fizemos nosso primeiro post sobre tipografia em campanhas políticas. Passados 4 anos (e com tanta coisa que aconteceu de lá para cá), chegou a hora de vermos o que mudou ou não nas campanhas políticas em relação ao uso de tipografias. Desta forma, buscamos saber um pouco mais sobre o que pensam os designers que trabalham para os nossos políticos.

Continuar lendo “Tipografia na Política (edição 2016)”

A Nova Fonte do Snapchat

Recentemente o Twitter principalmente testemunhou uma onda de comentarios – em sua maioria negativos – envolvendo o Snapchat e a nova fonte escolhida para o app. A atualização da interface do aplicativo ocorrida no começo de Março de 2016 não mostrou mudanças tão significativas e impactantes quanto a substitutição da fonte Helvetica pela nova fonte que permaneceu no anonimato apenas nos primeiros 3-4 dias desde a troca. As reações foram as mais diversas e os usuários sentiram quase que na pele o peso da mudança que, segundo alguns, não foram avisados com antencedência não podendo assim se prepararem para o baque de uma nova fonte estranha ao olho. Abaixo algumas dessas reações.

 

Com 74% de quase 3,000 menções sobre o assunto no dia da mudança, se tornando uma trending negativa de acordo com o Brandwatch. Usuários do iPhone também não gostaram nenhum pouco e foram mais diretos quanto a mudança não fazer jus de certa forma a persona deles como usuários da Apple.

A nova fonte substitui quase toda as áreas textuais do Snapchat no entanto aquela caixa de texto que sobrepoe as fotos permanceu inalterada. Abaixo uma comparação da interface antiga com a Helvética à esquerda e a mais atual com a nova fonte à direita.
 snapchat-1000-viewssnapchat-new-font-march-2016
A galera do Tipo da Fonte jogou prints da nova interface no WhatTheFont? na tentativa de obter respostas após tentativas sem sucesso de contatar a equipe de desenvolvedores do aplicativo e saber mais sobre a escolha da fonte. O interessante é que nenhuma das fontes sugeridas  é de fato a fonte escolhida mesmo a fonte oficial fazendo parte do inventário da MyFonts.
12165682_10154649435778135_483810569_n
Tirando de lado a questão de gosto, relação afetiva do usuário e uma interface e o quanto a escolha da tipografia influencia na criação desse laço, poucos dias depois da troca alguns poucos blogs já comentavam o ocorrido divulgando o nome da nova fonte como sendo a Avenir. Fizemos o teste de comparação entre a Avenir e a fonte da interface. – Abaixo para vocês conferirem.
snapchat-avenir2
A Avenir é uma fonte sans serif desenahda por ninguém menos que Adrian Frutiger em 1988. Frutiger buscou na Avenir uma forma de estilização mais contemporânea na forma de seus glifos mesmo seguindo na linha da Futura e da Erbar. Com discrição, leveza e sutileza no letterform, a Avenir (que significa Futuro no idioma francês) conseguiu facilmente se destacar da Helvetica de maneira nítida, deixando o Snapchat com uma personalidade ainda mais forte, impactante, amigável e bastante atual. Isso se deve ao fato de possuir curvas mais achatadas do que sua antecessora, uma altura de x levemente menor que passa a sensação de mais área de respiro e mais espaçamento entre os caracteres.
10706449_10154650217993135_1582831409_n

 

E vocês, o que acharam da mudança? As reclamações foram justas? Existe de fato uma melhor ou uma pior? Ou apenas conceitos/personalidades/intençoes divergentes? Fiquem a vontade para opinar e se expressar nos comentários abaixo. Em breve, a Avenir passará pelo nosso TypeAnalysis onde estudaremos a família mais a fundo.

 

Tupigrafia #11 no Catarse

tupigrafia

A revista Tupigrafia colocou seu novo projeto no Catarse. É a oportunidade de apoiar esse projeto que não só é uma referência indispensável para qualquer estudante de tipografia e áreas afins, como também uma referência internacional como publicação sobre o Design brasileiro.

Para quem não conhece, a Tupigrafia foi lançada no ano 2000 e é reconhecida como a primeira – e a única – publicação nacional especializada em tipografia. Idealizada por Cláudio Rocha e Tony de Marco, a revista já teve até esteve em exposição na Holanda e Japão.

O último número da revista, a edição de número 10, foi lançada em 2012. Agora a galera está com o projeto no Catarse para lançar o próximo número. Para ajudar o projeto, clica nesse link e ajuda o pessoal.

Abaixo, uma pequena mostra do que virá na próxima edição.